Skip BreadcrumbHome / Crédito / Crédito Universitário com Garantia Mútua

Crédito Universitário com Grantia Mútua TAE 1,023%



Considerando a necessidade de vir a proteger os mutuários de operações de crédito para a educação, disponibilizamos aos nossos Clientes com operações de Crédito Universitário com Garantia Mútua em curso, contratado após a data de 27 de março de 2020, a possibilidade de prorrogação do período de carência de capital durante um período de nove meses, ou inferior, com extensão da maturidade do crédito por idêntico período, sendo consequentemente ajustadas as condições da operação contratada. Em qualquer caso, a maturidade total da operação não pode exceder o respetivo prazo máximo previsto no Protocolo que criou a linha de crédito ao abrigo da qual o financiamento foi concedido, sendo consequentemente ajustadas as condições das operações de crédito contratadas às que se encontram previstas nos respetivos Protocolos.

A adesão à prorrogação do período de carência de capital e à extensão da maturidade, com o limite aplicável, deverá ser comunicada pelo mutuário ao Banco até ao dia 31 de março de 2021.

Poderá fazer o pedido através do Banco Mail, disponível após login no site do Millennium bcp, no menu "Área M", ou na App Millennium através do ícone de Perfil que se encontra no canto superior direito. Deverá escolher o "Assunto: Crédito Pessoal" e o "Tema: Universitário Garantia Mútua".

Em alternativa contacte-nos através dos telefones (Atendimento automático e personalizado 24H):


91 827 24 24 | 93 522 24 24 | 96 599 24 24



Impacto da adesão à extensão do período de carência de capital:

  • Não existem encargos por via da implementação da extensão do período de carência de capital por parte do Banco;
  • Não se aplicam quaisquer alterações nas taxas de juro e/ou comissões contratadas, com exceção das que possam decorrer da variabilidade da taxa de juro de referência subjacente ao contrato;
  • Caso existam, continuam a ser devidos, e terão de ser pagos os encargos, nos termos estabelecidos no(s) contrato(s) celebrado(s);
  • A adesão à extensão do período de carência de capital implica o prolongamento das garantias e contragarantias concedidas, nomeadamente das garantias pessoais do Estado associadas aos protocolos ao abrigo dos quais foram contratadas as operações de crédito.


​​​​​​​​​​