Sustentabilidade

A estratégia de Sustentabilidade do Millennium bcp tem como objetivo influenciar positivamente a proposta de valor da organização a longo prazo, em equilíbrio com o bem-estar das pessoas, da empresa e das comunidades e com a proteção do clima e a preservação do ambiente.

O Millennium bcp prossegue estratégias dinâmicas e ajustadas aos renovados desafios impostos pelas várias partes interessadas com que se relaciona – Colaboradores, Clientes, Acionistas, Fornecedores e demais Stakeholders.

Assim, materializa um modelo de negócio assente numa oferta de produtos e serviços que incorporam princípios sociais e ambientais, num diálogo contínuo e transparente e na adoção de políticas de sustentabilidade.

Estas fomentam uma cultura de Responsabilidade Social e visam influenciar positivamente a proposta de valor da organização a longo prazo, em equilíbrio com o bem-estar das pessoas, da empresa e das comunidades em que está inserida e com a preservação dos recursos naturais, do clima e do meio ambiente.

Neste quadro, é possível dividir a intervenção do Banco em três eixos fundamentais:

Ambiente: implementação de medidas que fomentem a transição justa e inclusiva para um modelo de desenvolvimento económico descarbonizado, incluindo a incorporação da vertente ambiental nos modelos de risco do Banco;

 

Social: envolvimento com as comunidades externa e interna;

 

Governo corporativo: integração dos princípios de sustentabilidade nos processos de decisão do Banco.

 

O Millennium bcp assume assim, como parte integrante do seu modelo de negócio, o compromisso de criar valor social, desenvolvendo ações para – e com – os vários grupos de Stakeholders com o objetivo de, direta e indiretamente, contribuir para o desenvolvimento dos países em que opera.

Signatário dos Princípios do Global Compact, propostos pelas Nações Unidas, o Grupo BCP compromete-se a apoiar os seus 10 Princípios que estabelecem um conjunto de valores no âmbito dos Direitos Humanos, Condições de Trabalho, Proteção do Ambiente e Anticorrupção. O BCP reconhece também a importância dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) das Nações Unidas.

Envolvimento dos Stakeholders

O Grupo BCP define estratégias e prossegue políticas ajustadas aos renovados desafios impostos pelas partes interessadas com que se relaciona, materializando um modelo de negócio assente num diálogo contínuo e transparente que permita interpretar, compreender e integrar as expectativas e ambições dos seus Stakeholders.

A identificação e o acompanhamento continuado dos temas considerados materiais pelos Stakeholders do Millennium bcp – de que o exemplo mais recente é a auscultação efetuada em 2019 – tem permitido conhecer as áreas de atuação que apresentam melhores desempenhos no âmbito da Sustentabilidade, mas tem também viabilizado a rápida deteção e caracterização de oportunidades de melhoria, sendo um forte contributo para a adaptação da estratégia de Sustentabilidade assumida pelo Banco a novas realidades, desafios e imposições.

Matriz de Materialidade

1 – Modelo de Governo de Sustentabilidade
2 – Desempenho económico, estratégia de negócio e de sustentabilidade
3 – Gestão da marca e reputação
4 – Ética e conduta
5 – Combate à corrupção e branqueamento de capitais
6 – Gestão do risco
7 – Qualidade do serviço, satisfação dos clientes e facilidade na apresentação de queixas e reclamações
8 – Segurança de informação e proteção de dados
9 – Transparência da informação prestada aos clientes sobre produtos e serviços
10 – Inovação
11 – Desenvolvimento e formação do capital humano
12 – Atração e retenção de talento
13 – Diversidade e igualdade de oportunidades
14 – Saúde e segurança ocupacional
15 – Conciliação entre a vida pessoal e profissional

16 – Respeito pelos Direitos Humanos
17 – Investimento na comunidade
18 – Voluntariado corporativo
19 – Literacia financeira
20 – Alterações climáticas, eficiência energética e energias alternativas
21 – Ecoeficiência
22 – Formação e sensibilização ambiental (a colaboradores, clientes e comunidade)
23 – Produtos / serviços com benefício social e de apoio ao tecido empresarial
24 – Produtos / serviços com benefício ambiental
25 – Inclusão financeira
26 – Condições de acessibilidade para pessoas com mobilidade condicionada
27 – Integração de critérios ambientais e sociais na análise de risco de crédito e gestão de investimento
28 – Prevenção de sobreendividamento
29 – Gestão responsável de fornecedores
30 – Transformação digital na Banca e o seu impacto na sustentabilidade

A importância relativa dos temas materiais constantes da nova matriz, que orientarão o Millennium bcp no biénio 2020/2021, traduz o nível de maturidade do Banco nos eixos de atuação identificados, mas também o grau de concretização e conformidade já alcançado.

As políticas do Millennium bcp no âmbito da Sustentabilidade estão refletidas no Plano Diretor de Sustentabilidade (PDS), um plano de compromisso plurianual que constitui o quadro de referência das ações a concretizar pelo Banco. As linhas de orientação e a definição das iniciativas que compõem o PDS resultam do balanceamento e justaposição dos temas materiais relevantes, dos recursos disponíveis e dos enquadramentos económico e de mercado.

Distribuição geográfica (Colaboradores)
Distribuição por género (Colaboradores)
 
5.741
ações de formação
+ de 847 mil horas de formação, média de 46 horas/Colaborador
Fornecedores
 
91,4 %
Fornecedores locais
Clientes digitais ativos
Grupo
Internet 
2.214.885
Mobile Banking 
2.601.401
Comunidades – Donativos
Milhões de euros

Ambiente

Consumo total de energia
TJ e MWh/Colaborador
Emissões de gases c/efeito de estufa
tCO2e
Consumo de materiais
t (1)

(1) Foi alterado o âmbito de reporte (em termos de materiais) para permitir comparabilidade com o reportado em 2018.

Indicadores em destaque

Polónia
Suíça
Portugal
Moçambique

Polónia

Energia elétrica: 24.498 MWh (-6%)
Emissões: 34.872 tCO2 (+2%)
Água: 94.078 m³ (+17%)
Materiais: 408 t (+9%)
Resíduos: 246 t (-18%)

Horas de voluntariado: 832
Número de voluntários: 104
Horas de formação: 348.752
Formandos: 14.109 (9.310 M; 4.799 H)

Suíça

Energia elétrica: 114 MWh (-8%)
Emissões: 3 tCO2 (-8%)
Materiais: 6 t (+6%)
Resíduos: 0,05 t (-25%)

Horas de formação: 1.621
Formandos: 78 (21 M; 57 H)

Portugal

Energia elétrica: 41.377 MWh (+3%)
Emissões: 15.839 tCO2 (-4%)
Água: 182.382 m³ (-9%)
Materiais: 1.217 t (-9%)
Resíduos: 347 t (-1%)

Horas de voluntariado: 1.202
Número de voluntários: 292
Horas de formação: 451.155
Formandos: 6.902 (2.932 M; 3.970 H)

Moçambique

Materiais: 476 t (+12%)
Resíduos: 24 t (-5%)

Horas de voluntariado: 905
Número de voluntários: 126
Horas de formação: 45.655
Formandos: 3.034 (1.542 M; 1.492 H)

Responsabilidade Económica

Responsabilidade Social

Responsabilidade Ambiental

Responsabilidade Económica

O Grupo BCP desenvolve a sua atividade, em todas as operações, com responsabilidade na relação com Colaboradores, Clientes, Acionistas, Fornecedores e demais Stakeholders, pautando sempre a sua atuação pelo cumprimento de princípios internos de rigor e dos compromissos voluntários assumidos, da legislação aplicável e das disposições emitidas pelas entidades reguladoras e de supervisão.

Clientes
O Grupo BCP procura estar próximo dos Clientes, disponibilizando canais de distribuição diversificados – Sucursais, Internet, Call Centre, Mobile Banking, ATM (Automated Teller Machines) e POS (Point of Sales) – de forma a responder com eficácia às necessidades de contacto entre o Cliente e o Banco. No âmbito do seu compromisso social, promove a acessibilidade a pessoas com necessidades especiais para os diversos canais de contacto com o Banco.
Acionistas
O Millennium bcp disponibiliza um espaço aos seus acionistas, o “Millennium bcp Acionista”, através do qual pretende estar mais próximo dos titulares de participações representativas do seu capital. Este serviço permite ainda o acesso a produtos e serviços do Banco em condições preferenciais e a um conjunto de vantagens e descontos acordados entre o Millennium bcp e os seus parceiros.
Colaboradores
O Grupo BCP assegura um tratamento justo e com igualdade de oportunidades aos seus Colaboradores, promovendo a meritocracia em todas as fases do percurso profissional e definindo a sua remuneração de acordo com a categoria e grau de cumprimento dos objetivos estabelecidos e o rácio salarial de 1:1 entre homens e mulheres com funções e nível de responsabilidade equiparáveis. O Banco reconhece ainda a importância da formação contínua para assegurar a sustentabilidade do negócio, disponibilizando as ferramentas e desenvolvimentos necessários à atividade dos Colaboradores.

Responsabilidade Social

A estratégia do Grupo BCP visa promover uma cultura de responsabilidade social, desenvolvendo ações para e com vários grupos de Stakeholders com o objetivo de, direta ou indiretamente, contribuir para o desenvolvimento social dos países em que opera. É assim, num quadro de aproximação à comunidade, que tem materializado a sua política de responsabilidade social, centrando a sua intervenção preferencialmente em iniciativas no âmbito da cultura, da educação e do apoio social.

Participar e partilhar
O Millennium bcp promove uma cultura de proximidade com as comunidades locais. Nesse âmbito, realiza regularmente ações com o objetivo de acrescentar valor social, seja através da dinamização de iniciativas de solidariedade internas, seja do envolvimento dos Colaboradores enquanto voluntários.
Literacia financeira
O Grupo BCP assume como objetivo estratégico, em todas as suas operações, o aumento dos níveis de literacia financeira. Exemplo deste compromisso são as ações que o Banco tem vindo a desenvolver de forma continuada para aumentar os conhecimentos financeiros dos cidadãos, nomeadamente dos mais jovens, tendo sempre presente a importância da adoção generalizada de comportamentos bancários responsáveis de tomadas de decisão esclarecidas, estáveis e informadas.
Fundação Millennium bcp
A Fundação Millennium bcp, inserida no contexto das políticas de responsabilidade social e de mecenato cultural institucional, assume-se como agente de criação de valor na sociedade nas diversas áreas da sua intervenção: Cultura, Educação/Investigação e a Solidariedade Social.
Produtos e serviços
O Grupo BCP garante uma oferta completa e abrangente de produtos e serviços financeiros e, no âmbito do desenvolvimento das suas linhas de negócio responsável, continua a disponibilizar soluções que incorporam princípios sociais e de respeito pelo ambiente e pela natureza. Neste âmbito, destacam-se o microcrédito, o Serviço de Acompanhamento Financeiro (SAF), os cartões de crédito que incentivam o apoio social/ambiental, os Fundos de Investimento Responsáveis, assim como diversas soluções de apoio a empresas, particulares e entidades do setor social.
Benefícios a Colaboradores
Em todas as geografias onde está presente, o Grupo BCP disponibiliza um conjunto alargado de benefícios sociais aos Colaboradores, o qual vai muito além do que se encontra estabelecido na legislação aplicável localmente. Os benefícios atribuídos abrangem áreas como a saúde e segurança, concessão de crédito, proteção à parentalidade, educação, cultura, desporto e lazer.
Fornecedores
O processo de seleção de Fornecedores do Millennium obedece a critérios de competência global da empresa, funcionalidade, qualidade e flexibilidade das soluções a adquirir e capacidade continuada de prestação do serviço. Em todas as operações do Grupo é privilegiada a compra a Fornecedores locais.
O Millennium bcp é subscritor da Carta de Princípios do BCSD Portugal - Conselho Empresarial para o Desenvolvimento Sustentável. Este documento estabelece os princípios que constituem as linhas orientadoras para uma boa gestão empresarial e permite que as empresas subscritoras possam ser reconhecidas junto dos seus clientes, fornecedores e sociedade em geral pela adoção de sólidos compromissos de sustentabilidade.

Responsabilidade Ambiental

O Grupo BCP, a par dos seus objetivos estratégicos de inovação tecnológica e digital, prossegue uma estratégia de Sustentabilidade que incorpora e promove uma cultura de responsabilidade ambiental e de combate às alterações climáticas, com impacto na forma como desenvolve e executa as suas operações, mas também nas políticas de crédito e investimento e na gestão de risco.

Ecoeficiência operacional
O Banco monitoriza regularmente um conjunto de indicadores de desempenho ambiental que medem a ecoeficiência do Banco no âmbito dos seus principais consumos. Em termos globais, o nível de ecoeficiência do Banco continua a melhorar, resultado do investimento contínuo na otimização dos processos, em novos equipamentos e em iniciativas de sensibilização dos Colaboradores para adoção de comportamentos mais responsáveis. Estas medidas de ecoeficiência têm vindo a permitir reduzir não só o impacte ambiental da atividade do Banco, mas também os custos operacionais associados.
Sensibilização ambiental
A sensibilização ambiental junto dos Colaboradores e Clientes para a promoção de boas práticas é um dos pilares da gestão ambiental do Grupo BCP. Considerando-se que a redução da pegada ecológica do Banco depende, também, da forma como os Colaboradores gerem a utilização individual e discricionária dos recursos, o Grupo continuou a investir nas várias geografias, de acordo com a sua realidade local, em iniciativas que incentivem e motivem os Colaboradores a assumirem práticas de gestão rigorosa dos recursos no exercício diário das suas funções.
Pegada ecológica
O Millennium bcp monitoriza regularmente um conjunto de indicadores de performance ambiental que medem a ecoeficiência no âmbito dos seus principais consumos – energia, emissões de CO2, água, materiais e produção de resíduos. Em termos globais, o nível de ecoeficiência do Banco tem vindo a melhorar ao longo dos anos, resultado dos investimentos efetuados na implementação de medidas de eficiência energética, em energias renováveis, na modernização das infraestruturas e na otimização de processos com foco na sua desmaterialização, mas também na sensibilização de Colaboradores relativamente à utilização racional dos recursos.
Alterações climáticas
O Grupo BCP assume o compromisso de adaptação às alterações climáticas, contribuindo para a redução das emissões de gases com efeito de estufa, quer através da sua atividade operacional, quer pela disponibilização de produtos financeiros sustentáveis. O Banco apoia ainda organizações e projetos que atuam neste contexto, participando no CDP – Carbon Disclosure Project e em iniciativas colaborativas, de que são exemplo as promovidas pelo BCSD Portugal.

O caminho da eficiência do Millennium bcp em Portugal, 2010–2019

Principais medidas implementadas
Substituição de lâmpadas tradicionais por tecnologia LED
Otimização dos parâmetros de funcionamento de equipamentos de iluminação, AVAC e central térmica
Programa Green IT
Campanha Sinalética Ambiental
Monitorização periódica de consumos e auditorias energéticas
Instalação de central solar fotovoltaica
Consumo de energia elétrica (MWh)
Energia produzida dos painéis fotovoltaicos (MWh)
Consumo de energia elétrica, desde 2010
Redução de 
55 %
Consumo de energia elétrica/Colaborador, desde 2010
Redução de 
36 %
Certificação energética e de qualidade de ar interior
Classificação B 
71 %
MWh por Colaborador

Principais reconhecimentos e parcerias

Portugal
Polónia
Portugal
Polónia