Skip BreadcrumbHome / Segurança / Glossário Segurança

Glossário de Segurança


Atualizações de segurança / patches

Atualizações de software, especificamente desenvolvidas com o objetivo de corrigir falhas de segurança num determinado software ou sistema operativo.

AntiSpam

Programa que se instala no computador para evitar a receção de correspondência eletrónica não solicitada, designada por spam.

AntiSpyware

Programa que se instala no computador para o proteger contra software tipo spyware. Sendo que por spyware se entende um software que executa certas ações como divulgação de publicidade, recolha de informação pessoal ou alteração da configuração do computador, geralmente sem obter o consentimento do destinatário. Utiliza manobras de disfarce da origem da mensagem e permite aos seus autores reunir dados sobre os gostos do utilizador, tipicamente utilizada para fins publicitários ilegais.

Antivirus

Programa que podemos instalar no computador, que atua como uma espécie de vacina, protegendo-o de outros programas considerados maliciosos, como é o caso dos Vírus, Cavalos de Troia ou Malware. Estes programas maliciosos têm a capacidade de comprometer a segurança de um computador, podendo inclusive capturar e transmitir informação pessoal a terceiros.

Cavalo de Troia (Trojan)

Um Cavalo de Troia (ou Trojan) é um programa malicioso, que, no entanto, aparenta ser útil. Compromete a segurança dos computadores por executar ações inesperadas e não autorizadas. Apesar de comprometer a segurança dos sistemas, não se propaga, como acontece com um vírus.

Códigos de autorização

Códigos, obtidos via Token ou SMS, que permitem confirmar e realizar transações em todas as contas através do portal www.millenniumbcp.pt.

Engenharia social

Designam-se por engenharia social as técnicas utilizadas para obter informações importantes ou sigilosas através de ações que enganam ou exploram a confiança das pessoas. Para isso, são enviadas mensagens em nome de empresas ou organizações com as quais o recetor terá algum tipo de relação, contendo, na sua maioria, avisos de consequências negativas caso não haja resposta às mesmas.

Firewall

Programa que podemos instalar no computador que permite reduzir o risco de acessos indesejados, via rede, nomeadamente a partir do exterior (hackers e vírus). Alguns sistemas operativos, como é o caso do Windows XP e Windows Vista, já trazem uma firewall incorporada (no próprio sistema operativo).

Hackers

Termo usado para definir alguém que, de forma ilegal, tenta aceder a sistemas informáticos e apoderar-se de informação.

Malware

Termo proveniente de software malicioso (malicious software). Trata-se de um software que tem como objetivo infiltrar-se no sistema de um computador, de forma ilícita, podendo causar danos ou apoderar-se de informação.

Pharming

Atividade realizada por hackers informáticos que, com intenções criminosas, redirecionam o tráfego da internet, de um web site para outro idêntico, por forma a enganar e convencer os utilizadores a introduzir os seus dados pessoais no site falso. Semelhante aos esquemas de phishing, o pharming é mais insidioso uma vez que redireciona o utilizador para um site falso, sem qualquer participação ou conhecimento da parte do utilizador.

Phishing

Ação que visa roubar dados pessoais. Tem normalmente como origem o envio de mensagens de correio eletrónico que conduzem o utilizador a sites falsos, cópias fiéis daqueles a que o utilizador acede habitualmente, solicitando a introdução de dados confidenciais.

SAFe

Sistema de autenticação forte eletrónico (SAFe) que tem como objetivo fundamental disponibilizar aos Clientes utilizadores de internet banking uma solução que, independentemente do grau de segurança dos seus computadores (utilização de antivírus, firewalls, antispyware, etc.), lhes garante total segurança na realização de transações financeiras por esse canal.

Spam

Envio massivo de correio eletrónico não solicitado, que pode ter como objetivo a propagação de vírus para recolha da lista de contactos do utilizador ou de ficheiros.

Spyware

Envio massivo de correio eletrónico não solicitado, que pode ter como objetivo a propagação de vírus para recolha da lista de contactos do utilizador ou de ficheiros.

Virus

Um vírus é um programa informático que tem como objetivo infetar um computador e que possui a capacidade de se replicar. Como tal, pode propagar-se muito rapidamente e é, muitas vezes, de difícil erradicação. Pode propagar-se através de ficheiros enviados de utilizador para utilizador (por exemplo anexado a mensagens de correio eletrónico) ou pode ter rotinas de atuação, ativando-se apenas quando determinadas condições estão reunidas (datas específicas ou a partir de determinadas ações do utilizador).

Worms

Programa malicioso capaz de se propagar automaticamente através de redes de computadores, enviando uma cópia de si mesmo a cada computador da rede. A diferença para um vírus, é que este programa não necessita ser executado para ficar ativo. A sua rápida propagação ocorre devido a vulnerabilidades nas configurações dos programas instalados no computador. Regra geral, permitem acessos não autorizados e a paralisação das redes e sistemas informáticos.